Governador repassa R$ 960 mil para entidades esportivas de Blumenau

04/10/2013 14h26

  • Compartilhe
Governador repassa R$ 960 mil para entidades esportivas de Blumenau

O governador Raimundo Colombo assinou nesta quinta-feira, 3, em Blumenau, o termo de repasse de quase R$ 960 mil para o esporte da cidade. Três modalidades serão diretamente beneficiadas: futebol, handebol e basquete.

 

Por meio da Fundação Catarinense de Esporte, a Fesporte, serão repassados R$ 750 mil (em três parcelas de R$ 250 mil) ao Clube Atlético Metropolitano para construção da 1ª Etapa do Centro de Treinamento Romeu Georg.

 

Outros R$ 120 mil terão como destino a Associação de Pais e Amigos do Basquete (APAB), para custear a participação da equipe de basquete masculino na Copa Brasil de Basquete.

 

Por fim, o governo do Estado vai repassar, através do Sistema Estadual de Incentivo à Cultura, ao Turismo e ao Esporte (SEITEC), R$ 89.904,60 à Associação Blumenauense de Handebol, que mantém o time feminino da cidade, que disputa a Liga Nacional de Handebol.

 

Sobre o apoio ao esporte, o governador Raimundo Colombo disse que Santa Catarina tem uma tradição de força esportiva, e que por ser um instrumento de melhoria social, cabe ao Estado fomentar este desenvolvimento em todas as regiões. “O atleta é um exemplo, um espelho para outros que virão no futuro. Uma criança que se espelha nos exemplos do esporte, sem dúvida será um cidadão melhor. Blumenau tem uma longa tradição de formação de atletas, e pela importância que tem para Santa Catarina, precisa sempre estar em destaque”, disse o governador, que aproveitou para lembrar com carinho dos tempos de atleta do futsal de Lages (foi goleiro da cidade em edições dos Jogos Abertos de Santa Catarina – JASC).

 

Em sua fala, o presidente da Fesporte, Erivaldo Nunes Caetano Junior, o Vadinho, também ressaltou a luta do esporte blumenauense por estes recursos, e que projetos como o do Centro de Treinamento do Metropolitano saíram do papel graças à luta de abnegados e a união de forças municipais e estaduais. “Temos aqui pessoas que sempre souberam que um clube como o Metropolitano nunca poderia alçar voos maiores sem uma casa, sem formar aqui os seus talentos. Temos essas guerreiras do handebol, que sempre superaram muitas dificuldades para levar o nome da cidade em competições importantes. E temos o basquete, com nomes importantes que saíram daqui, como Tiago Splitter, e talvez uma das modalidades mais identificadas com esta tradição vitoriosa de Blumenau no esporte amador. Todos merecem este apoio, para que conquistem objetivos ainda maiores”, disse Vadinho.

 

Os recursos
Basquete Masculino – R$ 120.000,00 (participação na Copa Brasil de Basquete)
Handebol Feminino – R$ 89.904,60 (participação na Liga Nacional de Handebol)
Clube Atlético Metropolitano – R$ 750.000,00 (primeira etapa da construção de Centro de Treinamento Romeu Georg) 

 

Fonte: AgBR


Foto: James Tavares/Secom

Comente


* Campos obrigatórios

© Unifique. Todos os direitos reservados.